Você Sabe Por que As Gestantes Não Devem Engordar Muito? – Veja Aqui:

0
147

Certamente se você é mais vai se lembrar de todas as recomendações do seu obstetra quanto a fato de não poder engordar muito. Ou se você ainda não tem filhos, já deve ter ouvido alguém falar que a frase ‘Está grávida e agora tem que comer por dois’ já não é mais uma realidade.

Engordar durante a gestação é um grande problema com muitos efeitos tanto para as mães quanto para os bebês e não estamos falando somente de uma questão estética. A saúde também depende muito do peso que você ganha durante a gravidez e é justamente por isso que o blog Ponto Diário resolveu compartilhar com você tudo o que precisa saber a respeito do que você deve ou não deve fazer durante a sua gestação.

Vale lembrar que este texto não substitui a ida ao nutricionista e ao obstetra durante o pré natal, pois somente eles podem orientar corretamente sobre o que se deve ou não ser feito neste momento mais especial da vida de uma família. Este artigo tem uma característica informativa e servirá como base para você tirar suas dúvidas dentro do consultório.

Por que as gestantes não devem engordar muito durante a gravidez?

  • Diabetes Gestacional:

Existe uma doença muito peculiar chamada diabetes gestacional. A gravida pode desenvolver a doença durante a sua gravidez devido à forma com a qual tem se alimentado. O grande problema disso é as complicações durante o parto e até mesmo o mal estar que ela vai sentir durante todos os meses que faltam para dar à luz.

Para evitar a diabetes gestacional é preciso cuidar da alimentação, veja aqui o poder do brócolis, e a pessoa que já tiver uma certa tendência, é preciso comer alimentos com baixo índice glicêmico que vão ajudar a controlar os picos de insulina no sangue. O nutricionista vai saber recomendar com precisão os alimentos que poderão ser ingeridos e isso vai ajudar e muito durante o processo da gestação.

  • Aumento da Pressão Arterial:

Muitas mulheres sofrem de hipertensão mesmo antes de engravidar e outras desenvolvem o problema durante a gestação. A pré eclampsia e a eclampsia pode ser um verdadeiro pesadelo na vida de uma mulher e isso pode gerar efeitos graves e até mesmo irreversíveis tanto para ela quanto para o bebê.

Por isso que é recomendado que a mulher não coma alimentos industrializados em excesso, nem mesmo as comidas prontas congeladas, nem os temperos prontos, entre outros alimentos que contenham uma quantidade muito grande de sódio e outros conservantes que podem aumentar a pressão arterial.

Principalmente se você já é uma pessoa que sofre com pressão alta, neste caso o cuidado deve ser ainda maior e cortar o sal de tudo pode ser uma grande saída que poderá salvar a vida da mãe e a do bebê. Muitas baixas em hospitais se dão por conta da eclampsia e realmente este momento é delicado e se ele puder ser evitado durante os meses de gestação é muito melhor, não é mesmo?

  • Problemas Para o Bebê:

Dependendo da comida que nós ingerimos durante a gravidez o bebê poderá ser atingido diretamente. Assim funciona também para os casos de ingestão de bebida alcoólica e para as fumantes.

Há muitos casos de mal formação do feto e até mesmo o desenvolvimento de doenças respiratórias em uma criança devido ao fato de a mãe ter se envolvido com hábitos nada saudáveis durante a gestação. Veja aqui por que as mulheres não devem tomar suco de caixinha durante a gestação.

Por isso mesmo que não é recomendado que ela coma muita besteira durante a gravidez, pois as gorduras e calorias também atingem aos fetos e os seus malefícios também. Por isso que a mãe precisa pensar que tudo o que estiver ingerido, o seu filho também sugará uma parcela dos nutrientes, sendo bons ou maus.

  • Complicações Para Voltar Ao Peso Normal:

Antigamente era muito comum você ouvir que quando se engravida é preciso comer por dois, não é mesmo? Hoje em dia quando engravidamos, tem sempre aquele nossa avó que faz aquelas guloseimas e envia para nossa casa porque elas querem que a gente esteja se alimentando bem.

Tudo é uma questão cultural. Na época da sua avó não tinha os estudos e pesquisas de hoje e por isso mesmo que ela acreditava que comer muito seria sinal de alimentar bem ao filho. Mas, hoje nós sabemos que não existe mais esta questão de comer por dois.

O mais correto a ser feito é entrar em consonância com o obstetra e o nutricionista para que seja desenvolvido um bom plano alimentar que contemple todos os nutrientes necessários para que o feto seja bem formado e nutrido com tudo o que ele precisa, bem como a gestante e isso não é sinônimo de engordar muito. De acordo com pesquisas, já foi confirmado que o peso ideal de uma gestante é engordar penas 9 kgs por gestação.

Ou seja, esqueça aqueles 20kgs que a que a sua mãe e a sua avó ganharam quanto estavam grávidas porque certamente isso não será sinal de que o seu filho terá mais saúde e sem contar que vai ser extremamente difícil voltar ao seu peso normal depois que o seu filho nascer.

Agora que você já tem todas as dicas que precisa, procure um especialista e informe-se como cuidar melhor da sua saúde durante a gestação!

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here